quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Verónika decide morrer


Verónika é uma jovem Eslovena que aparentemente tem tudo para ser feliz; é bonita , tem um emprego, tem os namorados que quer, uma família que a adora, mas, no fundo sente que a vida não tem sentido e decide se matar. A tentativa não corre bem e vai parar a um hospital psiquiátrico onde conhece vários personagens que a fazem mudar de opinião mas tardiamente (será?). Verónika também , inconscientemente, vai mudar a mentalidade de várias personagens. Um romance de Paulo Coelho (o melhor livro que já li dele) que nos fala de loucura , do amor , das relações com os outros e demonstra muita sabedoria.

Sem dúvida , faz-nos pensar e repensar na vida.


*****

3 comentários:

tia Glória disse...

Foi o primeiro livro que li de paulo Coelhodevo dizer que gostei bastante. É em livro que nos leva até ao subconsciente de cada um de nós e nos faz pensar no que nós fazemos e nas opções que tomamos na vida. Parece quase um auto-retrato
Com excepção desse livro não aprecio PAulo coelho.

Carla Fernandes disse...

Eu , além deste, só li "Na margem do rio Piedra eu sentei e chorei". também gostei mas não se compara às sensações que "Verónika decide morrer" nos faz sentir e pensar.

Mary disse...

Este foi o primeiro livro que li de Paulo Coelho e o que mais gostei!